Competição começa dia 9 de agosto e sob o comando de Renato Natella, time quer dar um passo de cada vez

Com a presença de diretores, parceiros, comissão técnica e jogadores, a noite de sexta-feira, 27, foi marcada na quadra de esportes do Diocesano La Salle pelo início das atividades do São Carlos Futsal, sob o comando do técnico Renato Natella.

O time deu o primeiro passo de olho na preparação para a Copa Record, que começa no dia 9 de agosto. A expectativa é grande. Contudo, de acordo com a direção do time, o importante é dar um passo de cada vez e realizar um trabalho organizado com o intuito de fazer com que o futsal em alto rendimento renasça em São Carlos a médio prazo.

Na primeira atividade do time são-carlense além da comissão técnica e dos atletas estiveram presentes Thiago Maldonado, um dos idealizadores, o diretor-presidente da Mult Sport, Fábio Pícolo, parceiro nesta iniciativa, o empresário itirapinense Vilson Guilherme Muniz, um apaixonado pelo futsal e o secretário municipal de esportes e lazer, Edson Ferraz.

 

ORGANIZADO

Os treinos foram fortes na quadra do Diocesano. O técnico Renato Natella disse que o importante é iniciar com organização e ter atletas comprometidos. “Todos foram escolhidos a dedo e 99,9% são atletas meus”, disse, salientando que são jogadores sub20, sub23 e adulto. “Todos compraram nossa ideia e os pais prestigiaram. Tem reforços também, mas é para um campeonato emergencial. Mas no futuro a meta é ter um time genuinamente são-carlense. Agora vamos tratar um modelo e um formato de jogo e focar a parte técnica. Vamos começar pequeno e aos poucos ser grande. A meta é dar corpo ao time e seguir com o trabalho. Acreditamos no grupo, em São Carlos e o apoio que recebemos nas redes sociais. O importante agora é dar um passo de cada vez e acreditar no nosso potencial”, salientou Natella, afirmando que novos treinos irão acontecer nos próximos dias. “Vamos preparar o time para esta importante competição que é a Copa Record”, afirmou.

 

PARCEIRO E REFERÊNCIA

O diretor-presidente da Mult Sport Escola de Futebol, Fábio Pícolo, disse que é um entusiasta e parceiro dessa nova iniciativa. Esteve presente no primeiro treino e afirmou ao São Carlos Agora que acompanha o futsal de São Carlos e região e que foi procurado por diretores do São Carlos Futsal e se mostrou otimista. Disponibilizou o técnico Natella e apoia a ideia.

“Com o apoio da Prefeitura Municipal, através da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Smel) e de empresas, poderemos a longo prazo ter uma grande equipe. Hoje o trabalho é emergencial e visa a Copa Record. Mas há a perspectiva de que possamos a médio prazo fazer uma parceria desde a base até o adulto. São Carlos tem potencial. É uma cidade gigantesca com infraestrutura adequada. Tem talentos no futsal, tem ginásios e muitas empresas. Se fizermos fusão e unir todos aqueles que gostam do esporte, podemos ter uma equipe de referência estadual em São Carlos”, disse Fabinho.

 

REGIÃO APOIA

O empresário Vilson Guilherme Muniz há 30 anos está envolvido com o futsal. Natural de Itirapina, tem no currículo, como diretor, cinco títulos da Taça EPTV, além de um vice-campeonato.

Mesmo sendo de um município da região, ele aceitou o desafio e se tornou um parceiro do São Carlos Futsal.

“Sempre estive próximo a esta modalidade e queria voltar. Sou apaixonado pelo futsal. Confio muito no trabalho e na honestidade do Natella e quero levar minha experiência. Adorei o convite para integrar este grupo e venho para unir forças. São Carlos merece estar na elite do futsal paulista e quero ajudar neste desafio”, disse Muniz. “Sou uma pessoa séria, honesta e comprometida e senti que o trabalho que está sendo feito em São Carlos tem metas e objetivos. Quero estar lado a lado para montar uma grande equipe na região central do Estado”, finalizou o empresário itirapinense.

Clique aqui e confira a matéria completa no site São Carlos Agora.